Infarto sintomas e tratamento

O infarto pode dar alguns sinais e através dos sintomas identificar que é preciso correr. Veja como saber se é hora de se cuidar.

Infarto sintomas e tratamento

Dentre os problemas de saúde mais comuns no Brasil está o infarto que atinge mais de 300 mil pessoas por ano, de acordo com as pesquisas realizadas pelo SCESP os sintomas mais frequentes são as dores no tórax, aperto na garganta e também o formigamento no braço. O infarto normalmente ocorre quando há uma artéria comprimida ou entupida que vai prejudicar a passagem do sangue, como o músculo cardíaco necessita de abastecimento de sangue e de oxigênio quando não há a passagem deles normalmente acontecem os problemas como ataques do coração ou infartos. As possibilidades de haver morte são muito grande já que em mais de 50% dos casos ela acontece trazendo transtornos para todos, por isso conhecer os sintomas do infarto para poder pedir ajuda com antecedência acaba sendo fundamental para que os problemas sejam resolvidos antes que hajam consequências maiores, no entanto o maior problema fica por conta de saber como é que se diferencia um problema de outro já que os sintomas podem ser parecidos com coisas que não tem riscos.

Além dos sintomas já citados você deve ficar atento ainda a sensação de sufoco ou aperto no tórax, irradiação para dorso ou pescoço, além disso, você pode ter em menor quantidade náuseas, palpitações, desmaios, tonturas sudorese só que estes são os sintomas que não se deve levar a sério já que podem ocorrer com as pessoas em qualquer momento. Com tudo o que citamos você não precisa se preocupar porque nem todos os sintomas que temos mesmo sendo iguais podem ser o infarto, já que em determinados momentos do dia podemos sentir algumas dores do lado esquerdo que não têm nada a ver com o infarto, caso sua saúde seja boa não deve se preocupar a toa porque não há necessidade disso agora quem tem fatores de riscos como diabetes, tabagismo, hipertensão, colesterol desequilibrado e outras doenças relacionadas deve se preocupar porque os fatos podem não ser simples e requerem cuidados médicos para saber a gravidade destes sintomas.

Além de todas as doenças que podem facilitar o acesso do infarto temos ainda a obesidade que pode atrapalhar bastante o processo de bombeamento do sangue que vai para o coração, o maior medo dos médicos e estudiosos é que está aumentando em grande proporção os episódios de pessoas que estão aumentando o peso, tudo isso ocorre por coisas simples como deixar de praticar exercícios e comer a vontade sem ter limites, para você tratar este problema e todos os outros listados que podem te levar a sofrer um infarto as mudanças podem começar através de mudanças em seus hábitos diários como a alimentação, evite comer comidas pesadas e gordurosas e também mantenha o controle com o açúcar em caso de diabetes, se você não colocar limites em suas decisões provavelmente vai passar por dificuldades no “trabalho” contra o infarto. Converse com um profissional na academia e passe a fazer exercícios leves para evitar que se torne um sedentário porque os resultados disso normalmente são o infarto e outras doenças cardíacas que podem levar a morte com facilidade.

Publicado por Talita
Revisado em 08/10/2014

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar